PROFESSOR FÁBIO SALVARI

HISTÓRIA É ROCK !!!!

18 de mar de 2011

GABARITO - AP1 - HISTÓRIA 9º ANO

9º ANO – HISTÓRIA




1 . (UFSE)

Pode-se afirmar que a principal razão do conflito mundial iniciado em 1914 foi

a) o choque dos imperialismos, de raízes econômicas, mas que se expressou de forma

política e militar.

b) a crise econômica que afetou significativamente o campos político e social das nações

européias.

c) o revanchismo nacionalista, de origem étnica, mas que se expressou através da expansão

colonialista.

d) o conflito religioso, de raízes políticas, mas que se expressou militarmente pela corrida

armamentista.

e) a brusca queda do comércio internacional que colocou em evidência a fragilidade do

sistema capitalista.



GAB.: a



2 ) U. Santa Úrsula-RJ O final da 1ª Guerra Mundial (1914-1918) levou a derrota à Alemanha,

que se viu obrigada a assinar o Tratado de Versalhes que intensificou a humilhação e

o isolamento da Alemanha. Esse tratado determinou que:

a) seu território seria drasticamente diminuído mas a Alemanha ficaria livre das pesadas

indenizações.

b) a Alemanha foi responsabilizada pela guerra e por esse motivo obrigada a pagar aos

aliados pesadas indenizações em dinheiro, máquinas e produtos químicos.

c) o início da chamada “Guerra Fria” que perdurou até a década de 80, dando margem à

formação de várias alianças entre os países vencedores.

d) ocorresse uma grande corrida armamentista dos países vencedores da guerra e domínio

de outros países (Ásia e África) em busca de matérias-primas.

e) a Alemanha, apesar de derrotada, poderia participar da Liga das Nações criada ao término

da guerra.



GAB.: b



3 - (PUC RS)

No interior do sistema de alianças que caracterizava a diplomacia dos conflitos entre as potências imperialistas no começo do século XX, a Inglaterra abandonou a política do “esplêndido isolamento” da era vitoriana (1837-1901), consolidando, através da Tríplice Entente, de 1907, sua aproximação com

a) a Itália e a França.

b) a Rússia e a Áustria.

c) os Estados Unidos e a Rússia.

d) a França e a Rússia.

e) a Áustria e a Itália.



Gab: D



04 - (UFTM MG)

O Neocolonialismo relaciona-se com a eclosão da Primeira Guerra Mundial porque:

a) a disputa por colônias entre as potências européias acirrou as rivalidades já existentes.

b) a partilha afro-asiática satisfez as potências surgidas com as unificações italiana e alemã.

c) o imperialismo norte-americano foi eliminado no Pacífico, desenvolvendo o Japão.

d) o desmembramento do Império Austro-Húngaro fez surgir novos países rivais entre si.

e) a busca por matérias-primas e especiarias consolidou o capitalismo comercial europeu.



Gab: A



05 - (UEPB)

A Revolução Russa de 1917 marcou o início de uma nova era na história da sociedade, na medida em que se constituiu

a) em alternativa para superar a ação das multinacionais.

b) em um desafio concreto à ordem burguesa e capitalista.

c) na mistificação política da ditadura dos partidos.

d) em uma aliança bem sucedida entre a burguesia e o proletariado.

e) na primeira experiência de um regime político autocrático.



Gab: B



06 - (UFAC)

Em relação à Revolução Russa de 1917, é errado fazer a seguinte afirmação:

a) Iniciada em novembro de 1917, a Revolução Vermelha, liderada por Lênin, marcou a ascensão dos bolchevistas ao poder.

b) Os bolcheviques pregavam que os trabalhadores poderiam conquistar o poder atraindo a simpatia política da alta burguesia.

c) A NEP – Nova Política Econômica, introduzida por Lênin, em 1921, caracterizou-se por um certo retorno a formas econômicas capitalistas.

d) Com a morte de Lênin, em 1924, houve uma grande disputa pelo poder na União Soviética entre Trotski e Stalin, por suas idéias divergentes em torno da expansão ou não da revolução.

e) Os bolcheviques defendiam a idéia de que os trabalhadores somente chegariam ao poder pela luta revolucionária, com a formação de uma ditadura do proletariado.



Gab: B



07 - (UNIFOR CE)

"Se a Alemanha fosse extinta amanhã, não haveria um só inglês no mundo que não fosse mais rico do que é hoje. Nações lutaram durante anos por uma cidade ou por um direito de sucessão; e não se deve lutar por um comércio de 250 milhões de esterlinas?(...) A Inglaterra despertou afinal para o que é inevitável e constituiu ao mesmo tempo a sua mais grata esperança de prosperidade. Germanian esse delendam."

(Saturday Review de Londres - In Leonel Itaussu A. Mello e Luís C. A. Costa. História Moderna e Contemporânea. São Paulo: Scipione, 1999)

O texto indica um dos aspectos do contexto histórico que contribuiu para que ocorresse a:

a) Unificação Alemã.

b) Primeira Guerra Mundial.

c) Segunda Guerra Mundial.

d) Segunda Revolução Industrial.

e) Consolidação do Nazifascismo.



Gab: B



08 - (FUVEST SP)

Qual a relação entre a Primeira Guerra Mundial e os acontecimentos políticos que ocorreram na Rússia entre fevereiro e outubro de 1917?



Gab:

Primeira Guerra Mundial e Revolução Russa pertencem ao mesmo contexto histórico, com feitos e efeitos de conseqüências recíprocas aos dois acontecimentos que, para muitos historiadores, serviram de abertura ao turbulento século XX.

A Primeira Guerra Mundial (1914-1918), com as sucessivas vitórias do bloco alemão sobre Rússia, acelerou a decomposição do Estado Czarista de Nicolau II. Em fevereiro de 1917, os mencheviques derrubaram o czar e proclamaram a supremacia do Parlamento (Duma), buscando estruturar um Estado liberal. Contudo, o novo governo liderado por Kerensky, dados os comprometimentos com os países capitalistas em guerra contra a Alemanha, decidiu manter a Rússia na Primeira Guerra, cumprindo seus compromissos e acordos com o bloco Aliado.

A continuação das derrotas militares, acompanhadas do colapso econômico nacional, passaram a contribuir para o desgaste do novo governo russo. Ao mesmo tempo, abriram-se espaços políticos para os opositores revolucionários bolcheviques que, liderados por Lenin, lançaram as "Teses de Abril" de 1917, fundadas no slogan "Paz, Terra e Pão". Em sintonia, do lado alemão, buscou-se aumentar a pressão bélica contra a Rússia, além de fornecer armamentos aos bolcheviques para potencializar o fim do conflito na frente Oriental.

Em outubro de 1917, a partir do soviet de Petrogrado, Lenin tomou de assalto os edifícios públicos e assumiu o governo russo, derrubando Kerensky. O novo governo deu início às mudanças na estrutura política e econômica do país, visando à estruturação de uma ordem socialista revolucionária. Entre as suas primeiras medidas estavam as nacionalizações, a reforma agrária e um acordo em separado com a Alemanha, saindo da Primeira Guerra Mundial. No entanto, a decisão do governo bolchevique quanto ao fim da Primeira Guerra para a Rússia não significou paz para o país, já que os Aliados passaram a apoiar com tropas e armamentos os russos brancos ( mencheviques), envolvendo a Rússia numa sangrenta guerra civil que só terminou em 1921, com a vitória do "exército vermelho" bolchevique.



9 ) (UFRJ)

“A mesma velha trincheira, a mesma paisagem,

Os mesmos ratos, crescendo como mato,

Os mesmos abrigos, nada de novo,

Os mesmos e velhos cheiros, tudo na mesma,

Os mesmos cadáveres no front,

A mesma metralha, das duas ás quatro,

Como sempre cavando, como sempre caçando,

A mesma velha guerra dos diabos.”

(soldado inglês)





“Estamos tão exaustos que dormimos, mesmo sob intenso barulho. A melhor coisa que poderia acontecer seria os ingleses avançarem e nos fazerem prisioneiros. Ninguém se importa conosco. Não seremos substituídos. Os aviões lançam projéteis sobre nós. Ninguém mais consegue pensar. As rações estão esgotadas – pão, conservas, biscoitos, tudo terminou! Não há uma única gota de água. É o próprio inferno.”

(soldado alemão)

Fonte: MARQUES, Adhemar Martins et al (orgs.).

História contemporânea através de textos.

São Paulo, Contexto, 2000, pp. 118 e 120.

Os fragmentos apresentam o depoimento de dois soldados, um inglês e o outro alemão, durante a Primeira Guerra Mundial (1914–1918).

a) Identifique duas características que estejam presentes em ambos os textos e expressem os sentimentos dos combatentes nessa fase da Primeira Guerra.

b) Cite duas conseqüências geopolíticas da Primeira Guerra para a Europa entre 1918 e 1939.



Gab:

a) O candidato poderá identificar uma das seguintes características: o sofrimento da guerra, o tédio, o desespero e a indignação com as condições adversas (miséria, fome).

b) O aluno poderá citar duas das seguintes conseqüências geopolíticas: o desmembramento dos impérios austro-húngaro (surgimento da Áustria, Hungria, Tchecoslováquia, Polônia e Iugoslávia) e turco-otomano (surgimento, entre outros, da Turquia); a perda de parcelas do território alemão para a França, Polônia, Bélgica, Dinamarca e Lituânia; a perda de territórios da Rússia para a Finlândia, Lituânia, Letônia, Estônia, Ucrânia e Polônia; o surgimento da Albânia.

10 ) Diferencie as ideias de Stalin e Trotsky a respeito do socialismo:



Stalin – acreditava que o socialismo deveria primeiro se fortalecer na URSS para depois se expandir pelo mundo



Trostky – acreditava que a sobrevivência da Revolução só seria possível se fosse permanente, ou seja, uma revolução internacional.

Um comentário:

Anônimo disse...

ótimo. Parabéns,me ajudou muito.